Homem que desenha vector sobre fundo transparente

Princípio de funcionamento fisiológico dos extensores PeniMaster®

Três rodas dentadas como símbolo do princípio de funcionamento
  • as forças de tracção estimulam e treinam o pénis
  • o tratamento de vários meses estimula o crescimento de novo tecido peniano
  • o crescimento de novo tecido faculta o prolongamento, o aumento de volume e a rectificação do pénis

Cada membro do corpo humano ganha volume ou altera a sua forma pela produção de novo tecido. O pénis masculino acaba este processo natural o mais tardar com os 19 anos. Quem quiser ter pénis recto ou ainda mais avolumado ou comprido deve estimular por alguns meses o crescimento do tecido peniano. Para o efeito, o PeniMaster submete o pénis a uma tracção física o que deu ao aparelho o nome extensor peniano.

O tratamento de extensão de vários meses com o PeniMaster pode alongar e avolumar o pénis, por ser estimulado o crescimento tridimensional fisiológico de novo tecido peniano. O tratamento de vários meses é susceptível de corrigir desvios penianos. Na maioria dos casos, os resultados de longo tratamento permanecem inalterados. 

Após curto tratamento, o pénis pode obter alongamento temporário pelo efeito de dilatação.

Os exercícios de dilatação podem treinar os corpos cavernosos e melhorar a rigidez peniana e perseverança sexual.

ler mais sobre as áreas de aplicação


Aumento do pénis com extensor

Zellwachstum in Länge und Umfang durch PeniMaster Zellwachstum in Länge und Umfang durch PeniMaster
Fig. 1 
Extensor de pénis de qualidade e moderno a ser utilizado durante várias horas diariamente ao longo de vários meses, exercendo uma força de tracção no pénis de 200-1200 gramas em direcção longitudinal. O corpo reage a esta carga através da nova formação de células no pénis. Uma vez que as células possuem uma expansão tridimensional em todas as direcções, o pénis cresce tanto em comprimento como em espessura (as novas células estão representadas a cor-de-rosa).

Áreas de aplicação dos aparelhos de extensão para moldar o corpo e aumentar o pénis

  • o corpo adapta-se aos esforços de pressão e tracção exercidas por vários meses
  • para o efeito, acontece o crescimento de novo tecido peniano
  • serve para correcções plástico-cosméticas, assim como fins culturais e medicinais

O organismo da pessoa adapta-se a longo prazo às cargas mecânicas das forças de pressão e tracção, através da alteração da parte do corpo afectada. Para que se uma parte do corpo altere a sua forma ou o seu tamanho, terão de ser acrescentadas novas células na parte do corpo em questão (ex: aumento e endireitamento do pénis com extensores, Fig. 1 e 2). Isto significa que irá dar-se um crescimento da parte do corpo que permanecerá após o tratamento.


Endireitamento do pénis com o extensor

Funktionsbild der Begradigung des Penis mit PeniMaster
Fig. 2 
Uma curvatura normal do pénis (não patológica) baseia-se numa quantidade desigual de células em cada um dos lados do pénis. O lado com menos células (o lado esquerdo na figura) é mais pequeno, sendo que o pénis, especialmente quando está erecto, fica curvado. Ao extender com os extensores, o lado com menos células fica com mais carga, para que sejam mais rapidamente formadas novas células (representadas a cor-de-rosa) do que no lado com mais células. Assim, a curvatura fica mais atenuada.

Alterações naturais do corpo através das forças de pressão e tracção

O aumento natural de partes do corpo pode também ser observado, por exemplo, na alteração da forma dos seios femininos à medida que se vai envelhecendo. Devido ao constante efeito de tracção provocado pela força da gravidade nos tecidos dos seios, a sua forma e tamanho vão-se alterando ("seios descaídos"). O mesmo se aplica aos sinais de envelhecimento que surgem no rosto: uma área do queixo cada vez mais flácida ou pés de galinha são muitas vezes as consequências de forças que actuam no tecido celular do corpo e cuja reacção é a seguinte.

Um aumento natural da pele causado por forças de pressão ocorre durante a gravidez (fig. 3), devido ao feto que vai exercendo pressão na parede abdominal. O bebé actua como um "extensor" interno, que estica a pele e estimula o seu crescimento. Devido aos novos tecidos de pele que foram criados, a pele da barriga permanece maior mesmo depois do parto e tem um aspecto mais flácido, do que antes da gravidez.



Hochschwangere Frau von der Seite

Fig. 3 
Crescimento natural da pele durante a gravidez devido a uma extensão interior.

Mursi-Krieger mit Körperschmuck und Tellerlippe

Fig. 4 
Aumento de partes flácidas do corpo motivado por rituais, através de extensores feitos de peças de decoração como utiliza o povo guerreiro Mursi.

MauritsV, Murzi4, CC BY-SA 2.0

Giraffenhalsfrau mit langem Hals aufgrund von Expanderschmuck

Fig. 5 
Estímulo de crescimento de ossos, da musculatura e de partes flácidas do corpo como o ideal de beleza.


Alterações culturais do corpo através das forças de pressão e tracção

A possibilidade do corpo de modelar de um modo prolongado através de extensão tem vindo a ser usada desde há alguns séculos para cá por alguns povos, tendo em vista fins culturais. O povo guerreiro Mursi e Surma no sul da Etiópia evidenciam várias deformações em partes do corpo como lábios e orelhas através da colocação prolongada de peças de decoração, que exercem um efeito de sobredimensionamento como um extensor (fig. 4). As habitantes dos Mae Hong Son (Tailândia) conhecidas como "Mulheres girafa" devem a sua popularidade às prolongadas vértebras do pescoço, cujo crescimento é conseguido através da utilização prolongada de largos anéis no pescoço, que vão afastando a cabeça dos ombros (fig. 5).

Correcções plástico-cosméticas por pressão e tracção

Para a correcção de partes do corpo, a medicina utiliza tanto forças de pressão e tracção naturais (3.1) como mecânicas (3.2), tal como o extensor especial.

  • Um exemplo para o efeito de reacção ortopédico de forças de pressão naturais pode ser a ortopedia do pé. Neste caso, o ortopedista utiliza a pressão exercida no pé através do peso do paciente, para modelar o pé de acordo com o pretendido e para uma forma correcta, através de uma forma de sapato como molde de pressão.
  • Aparelhos médicos especiais para extensão e tracção (extensores) podem ser aplicados em diferentes áreas da medicina. Existe diferença entre extensores externos e internos (implantados).
    • Os extensores externos são aparelhos de extensão ortopédicos, que estabelecem uma ligação externa prolongada ou temporária ao corpo. Exemplos de extensores externos removíveis a qualquer momento são aparelhos dentários não fixos para a correcção de dentes e maxilar (fig. 7).

      Os extensores externos unidos ao corpo são utilizados para a extensão entre membros. Os aparelhos são colocados na extremidade (por ex. uma perna mais curta ou mais curvada) e aparafusados aos ossos. Os ossos, a musculatura e as partes mais moles aumentam de tamanho e alteram a sua forma (fig. 8).
    • Os extensores implantados podem ser, por exemplo, encontrados na cirurgia de reconstrução do peito (por ex. após a amputação do peito devido a um cancro da mama). No caso descrito, os extensores são uma espécie de almofadas de plástico com volume, que são implantadas debaixo da pele do paciente. Com o decorrer de alguns meses estas crescem através da pressão criada continuamente e a partir do interior, através do extensor, e criam uma cavidade. Após retirar o extensor (fig. 9) é colocado nesta cavidade um implante de silicone que vai substituir os tecido do seio amputado (fig. 10). Através de um extensor de pele implantado, pode ser criado um tecido de pele excedente e adequado ao corpo numa parte específica do corpo (por ex. no rosto), o qual pode depois ser plantado noutra parte do corpo sem haver perigo de rejeição por parte do paciente, tal como acontece com tecidos estranhos de dadores (fig. 11).
Fig. 6a
Extensores penianos da família de produtos PeniMaster
Penisexpander der PeniMaster Produktfamilie Penisexpander der PeniMaster Produktfamilie Penisexpander der PeniMaster Produktfamilie
Fig. 6b
Os extensores de pénis construídos pelas próprias pessoas podem ser eficazes, mas têm o risco de provocar estrangulamentos e distensão dos tecidos

Penis mit daran angehängtem Kugelgewicht

Fig. 7 
Aparelho dentário para a correcção de dentes tortos.

Zahnspange gegen Zahnfehlstellungen

Fig. 8 
Extensor de perna unido aos ossos a partir do exterior.

Externer mit dem Knochen verschraubter Beinexpander

Fig. 9 
Extensor de pele para implantação.

Implantierbarer Hautexpander